Descubra em detalhes o que é peer-to-peer lending, como funciona e dicas sobre o assunto para novos investidores da modalidade.

O peer-to-peer lending é uma modalidade de investimento e empréstimo que vem crescendo ao longo dos anos no Brasil — apesar de já ser muito consolidada ao redor do mundo, principalmente nos Estados Unidos e na Europa.

Com fins diversos para os tomadores de créditos, que podem emprestar dinheiro para pagar contas da empresa ou investir em sua expansão, essa modalidade se mostrou bastante atraente para quem precisa de dinheiro “barato”, já que as taxas de juros são bem atraentes, principalmente quando comparadas com empréstimos tradicionais.

Da mesma forma, o peer-to-peer lending também é muito atraente para investidores, que podem aplicar seu capital de forma otimizada e, por consequência, conquistar altas rentabilidades. Então, seja para tomadores ou investidores, as vantagens do peer-to-peer são imensas.

Assim, se você quer saber em detalhes o que é peer-to-peer lending e como ele funciona, além de dicas importantes sobre o assunto, continue lendo até o final deste conteúdo supercompleto. Boa leitura!

O que é peer-to-peer lending?

O peer-to-peer lending é uma modalidade de empréstimo e investimento que não necessita de intermediações bancárias para acontecer. Assim, todo o processo ocorre “de pessoa para pessoa”, como a tradução livre do termo sugere.

Na prática, isso significa que um investidor pode “emprestar” seu dinheiro para outras pessoas ou mesmo para empresas — situação que é mais comum no Brasil. Já o tomador de crédito conta com uma série de benefícios ao apostar no modelo, como:

  • Taxas de juros mais baixas;
  • Prazos para pagamentos flexíveis;
  • Redução da burocracia para aprovação do empréstimo.

Dessa forma, as empresas que apostam no peer-to-peer podem conseguir crédito mais barato e que, inevitavelmente, vai ajudar a salvar o negócio. Nesse sentido, conseguir crédito acessível é muito importante, visto que a falta dele — muitas vezes — é o responsável pela morte prematura das empresas, conforme pesquisa do CNI.

Além das taxas de juros que inviabilizam o pagamento dos valores emprestados, a burocracia para a liberação do dinheiro, muitas vezes, é exagerada. Assim, muitas empresas acabam fechando as portas antes de receberem uma resposta das instituições tradicionais.

E com base nas duas situações apresentadas, o peer-to-peer lending chega como uma saída viável para o empreendedor.

Vantagens do peer-to-peer lending

Agora que você já sabe o que é peer-to-peer lending, é hora de conhecer as suas principais vantagens, em detalhes, para quem procura investir o seu dinheiro com alta rentabilidade, mas também para quem precisa de crédito barato e acessível.

Vantagens do peer-to-peer lending para investidores

A primeira vantagem do peer-to-peer lending para investidores é a capacidade de ajudar empresas que estão precisando de dinheiro. Nesse sentido, o investidor consegue impactar a economia do país e, de fato, contribuir para a manutenção de empregos no Brasil.

Além dessa consequência social, o investidor também tem outros benefícios atraentes, como:

  • Diversificação da carteira de investimentos;
  • Domínio total sobre os valores investidos;
  • Isenção de taxas de administração ou de investimentos realizados;
  • Investimentos com alta rentabilidade;
  • Investimentos sem riscos e com garantia — característica encontrada apenas na MatchMoney.

No caso dos investimentos de alta rentabilidade, as taxas de retorno do peer-to-peer lending podem variar entre 14% e 65% ao ano — valores bem superiores à poupança, por exemplo, que rende menos de 5% no mesmo período.

Vantagens do peer-to-peer lending para tomadores

E os tomadores de créditos também conseguem obter muitas vantagens ao apostar no peer-to-peer lending. A ausência de intermediários é o principal motivo da desburocratização do acesso aos empréstimos. Mas também existem outros benefícios:

  • Intervalo de tempo menor entre a solicitação e aprovação do empréstimo;
  • Taxas de juros acessíveis e adequadas para a saúde financeira da empresa;
  • Flexibilidade no pagamento, conforme a capacidade de pagamento da empresa;
  • Eficiência em todas as etapas do processo, que é realizada por fintechs com alta base tecnológica.

Assim, esse conjunto de benefícios é o que torna o p2p tão atraente. Seja para investidores ou tomadores, o peer-to-peer, definitivamente, é um modelo que chegou para ficar.

Peer-to-peer ao redor do mundo

O peer-to-peer lending nasceu no Reino Unido no ano de 2005 a partir do surgimento da Zopa, a primeira empresa que passou a oferecer este tipo de serviço. Depois, com o modelo já validado, surgiram outras empresas concorrentes e que ajudaram a disseminar a modalidade.

Atualmente, o peer-to-peer lending evoluiu ao ponto de ser uma alternativa viável de crédito para empresas e pessoas físicas. Enquanto o primeiro público vai em busca de crédito para expandir o negócio ou pagar contas, o segundo grupo vai atrás de dinheiro barato para reformar a casa, pagar uma festa de casamento e comprar um veículo novo.

No entanto, independentemente do objetivo, o peer-to-peer lending se consolidou no exterior e chegou ao Brasil com força, onde caminha de forma positiva, gerando oportunidades para tomadores de crédito e investidores.

Peer-to-peer lending na MatchMoney

Para o investidor que não fic confortável com altos e baixos na rentabilidade, se optar por investir com a MatchMoney, vai ter a certeza de ter garantia em dobro. Isso acontece pelos investimentos estarem atrelados a uma garantia imobiliária.

E isso torna o investimento peer-to-peer comparável à Renda Fixa, já que não há variação na rentabilidade da aplicação. Sendo assim o rendimento que estiver estipulado no momento do investimento está fixado e será pago no momento do resgate.

Em outras palavras, fazemos o Match perfeito entre empresas tomadoras de crédito e investidores, focando no retorno alto da renda fixa, além da garantia real atrelada ao empréstimo no modelo peer-to-peer.

Finalmente, a MatchMoney é a única responsável pelo cliente inadimplente. Ou seja, em caso de não pagamento, assumimos a cobrança e garantimos os rendimentos. E esse é um grande diferencial em relação a outras fintechs de peer-to-peer do mercado brasileiro.

E se você ainda tem dúvidas sobre o que é peer-to-peer lending e como ele funciona na MatchMoney, confira o vídeo do nosso CEO, Elysio Xavier, explicando em detalhes como as operações são realizadas:

Gostou? Então faça uma simulação na plataforma ou abra uma conta gratuitamente para começar a investir com alta rentabilidade e segurança.

Author

Head of Digital Marketing & Content na MatchMoney e investidor em evolução.

Comentários