Pensando em arriscar um pouco mais nas aplicações? Então descubra o que é investimento renda variável, como funciona a modalidade e as melhores opções para investir seu capital.

Começar a investir em renda variável é um grande passo para os investidores. 

Isso porque, diferente da estabilidade e segurança que os investimentos em renda fixa oferecem, nas aplicações de renda variável a previsibilidade não faz parte do pacote.

Apesar disso, mesmo sendo uma modalidade com maior risco, aplicar nos mais diversos tipos de investimentos de renda variável é fundamental para quem deseja aumentar o patrimônio de maneira mais rápida, para conquistar a tão sonhada independência financeira

Porém, antes de sair por aí aplicando dinheiro em qualquer título, é preciso entender o que é investimento de renda variável, como funciona e por quais tipos de investimentos você pode optar. 

Abaixo, veja as informações mais importantes sobre o assunto para você conseguir identificar os melhores investimentos de renda variável para começar a investir. Vamos lá!  

O que é investimento renda variável e como funciona? 

O termo “variável” já explica muito sobre o que é investimento em renda variável.

Sendo a modalidade mais volátil no mercado de investimentos, pode ser considerado um investimento renda variável toda aplicação em que, durante o prazo de investimento, pode sofrer grandes oscilações na rentabilidade.

E justamente por apresentar tamanha volatilidade, quando falamos em renda variável, sua característica principal é a impossibilidade de prever o retorno sobre o capital investido. 

Ou seja, diferente do que acontece nos investimentos de renda fixa, ao aplicar o seu dinheiro em renda variável, você não sabe a fórmula de cálculo dos juros daquela aplicação

Na prática, isso significa que o investidor não consegue saber se, ao final da aplicação, a rentabilidade será menor, igual ou superior ao investimento — por mais que suposições possam ser feitas durante o estudo e escolha dos títulos, não há garantias de retorno.

Dentro dessa modalidade, um dos produtos mais conhecidos são as ações. 

Exatamente por isso, ao ouvir falar em investimentos, a maioria das pessoas pensa logo na Bolsa de Valores, um dos mercados que mais movimenta capitais em investimentos variáveis. 

O termo, apesar de super conhecido no mercado de investimentos, não é nem de longe o primeiro passo para quem começa a aplicar. 

Na realidade, a renda variável é um tipo de investimento que demanda maior atenção e cuidado, afinal, quando uma aplicação é feita, não se sabe o que vai acontecer no segundo seguinte, e os riscos são infinitamente maiores

Desse modo, conhecer as possibilidades de aplicações é tão importante quanto entender o que é investimento renda variável — e é sobre isso que falaremos a seguir. 

Leia também: Perfil de risco do investidor: tipos e como descobrir o seu para investir melhor

Quais os tipos de investimentos em renda variável?

Agora que você sabe o que é investimento em renda variável e como funciona a modalidade, é hora de descobrir as possibilidades de títulos para investir. 

Você pode optar por:

  • Fundos multimercados
  • Fundos de investimentos em ações
  • Fundos de investimentos imobiliários
  • Fundo de investimentos
  • Fundos de commodities 
  • Fundos cambiais
  • Fundos de índice
  • Fundos de criptomoedas

Mais abaixo, vamos falar sobre os principais títulos para começar a investir em renda variável. 

Como começar a investir em renda variável?

Se você deseja um retorno financeiro acima da média da renda fixa, então terá que investir seu capital em investimentos de renda variável. 

Para dar tudo certo, porém, é preciso tomar cuidado. O segredo para ter bons resultados em investimentos renda variável é começar gradualmente, “colocando os pés na água”. 

Isso significa que você não deve alocar todo o seu capital, de uma única vez, nessa modalidade. Mas dar pequenos passos, investindo quantidades menores de dinheiro, para entender o mercado, sua dinâmica e as oscilações características da renda variável. 

Além disso, quando falamos em o que é investimento renda variável e como começar a aplicar nessa modalidade, não se pode esquecer que, para alcançar bons resultados, é importante que as aplicações sejam para médio ou longo prazo. 

E, claro, que antes de começar a investir em renda variável, é fundamental que o investidor tenha uma reserva de emergência em uma aplicação segura de renda fixa. 

Onde aplicar? 3 melhores investimentos renda variável 

Depois de entender o que é investimento renda variável e como esse tipo de aplicação funciona, vamos apresentar opções para você que deseja começar a investir, mas não sabe qual título escolher. Confere aí!

Ações

O mercado acionário é quase um sinônimo de renda variável para a maioria das pessoas. Afinal, basta falar em investimentos que logo se pensa em Bolsa de Valores e compra de ações. 

E, de fato, esse é um dos títulos mais procurados por quem deseja diversificar o portfólio de investimentos

A ação é um título emitido por empresas e instituições para captar recursos financeiros.

Assim, o investidor pode aplicar dinheiro naquela ação para remunerar com dividendos ou vender sua “parte” daquela empresa futuramente, caso ela apresente um bom crescimento. 

ETFs

Enquanto no fundo acionário o investidor compra cada ação separadamente, os fundos ETF (Exchange Traded Funds ou Fundos de índice) permitem aplicações em diferentes mercados, sem precisar comprar por cada título separadamente

Assim, ao investir em ETF, você se torna acionista em diversas empresas, de diferentes segmentos, de uma única vez. 

Para quem deseja diversificar as aplicações financeiras, os fundos de índice podem ser uma excelente opção para começar a investir em renda variável. 

Fundos Imobiliários 

Por fim, temos o fundo imobiliário, um tipo de aplicação em renda variável, realizada em conjunto, no mercado imobiliário. 

Na prática, um grupo de investidores se juntam para investir em empresas que desejam construir ou adquirir imóveis.

Após o prazo, os rendimentos do investimento são divididos entre todos os investidores do grupo, proporcionalmente ao que foi aplicado por cada um.

Leia também: Como investir dinheiro em imóveis: 5 opções + dicas importantes para não errar

Invista no mercado imobiliário com a MatchMoney 

Você também pode investir em imóveis, por meio do peer-to-peer lending, com a MatchMoney. Apesar de ser considerado um investimento de renda fixa, é uma ótima opção para quem deseja diversificar com alto retorno.

Com rentabilidade superando em até 5 vezes a Poupança, as operações em nossa plataforma são garantidas com recebíveis imobiliários de um imóvel construído. Tornando o investimento uma opção segura para quem deseja começar a aplicar

Quer saber mais? Faça uma simulação gratuita ou abra uma conta em nossa plataforma.

Comentários